quinta-feira, 3 de novembro de 2011

Manuseamento de Guarda-Chuvas.



Nunca fui daquelas pessoas que algum dia teve um guarda-chuva. Nem quando eraputo, nem agora, nem quando há temporais..aí - obviamente- não saio de casa. E os guarda-chuvas não foram feitos para dias de vento, aliás, basta contar quantos estão espalhados pelas ruas de Lisboa, assim que faz uma corrente de ar. Eu não sou d'intrigas, mas parece-me que quem faz isto são pessoas com feitio parecido ao meu...parece-me uma atitude que tivesse, caso o guarda-chuva se virasse: dar-me uma veneta gigante e atirar aquela merda fora! Por isso é que eu não uso. E não o o atiraria para a rua, no  mínimo atiraria às trombas de alguém: um mendigo romeno, por exemplo.

Ora bem, há muitos atirados pelas ruas fora, sim! Mas também há pessoas -como é normal- quando não chove, os seguram na mão. Siiimm, parece do outro mundo, mas não, existem mesmo pessoas que os seguram. Fecham-nos quando entram em cafés, lojas, transportes públicos...Mas não sabem de todo, andar com ele na mão (ele, o guarda-chuva, ok?). Parece haver uma ciência (não negue à partida uma ciência que desconhece) necessária para isto...ou ter de se ter uma cadeira sobre como segurar uma sombrinha quando estudamos o Meio Físico e Social ou um workshop de 3h15m para explicar como afinal se anda com este protector da chuva na mão.

Basta, como em muitas outras situações, pensarem que o mundo não é só vosso! Simples, não é?
Se pensarem nisso e ao mesmo tempo não balançarem freneticamente o braço para trás e para diante como se não houvesse amanhã..aí então muito melhor. Quando subirem escadas, lembrem-se que atrás de vocês vem um potencial candidato a ficar cego ou com a ponta da sombrinha espetada no baço. Quando vão na rua, usem-no como se fosse uma bengala e não como se tivessem a fazer ski...porque a pessoa que por (muitooooooo) azar vem atrás de Vossas Excelências  e parece que vai a dançar o cha-cha-cha não é por acaso. É para se desviar da vossa arma de arremesso. Pois,meus anormalóides, não está a treinar para o Campeonato Regional de Danças de Salão de Santa Íria da Azóia, vai às curvas porque vocês, pura e simplesmente não sabem segurar a merda de um guarda-chuva fechado. Nem aberto, mas isso é para outro post.

Era agarrar nestas umbrellas fechadas e dar-lhes umas vardascadas no lombo! Ain, aiiiiinnn!

Sem comentários:

Publicar um comentário